Dilemas Éticos vai debater a inclusão e o convívio com a diversidade

82

Debate mediado pela Rabino Michel Schlesinger contará com a participação do casal Henri e Marina Zylberstajn fundadores do Projeto Serendipidadade

Depois que seu filho caçula Pedro, foi diagnosticado com Síndrome da Down, Henri e Marina Zylberstajn decidiram que a partir daquele momento iriam mergulhar e se engajar na causa das pessoas com deficiência intelectual. Nascia assim o Projeto Serendipidade, de cunho social e que atua para que a inclusão não seja encarada como caridade, divulgando os benefícios que o convívio com a diversidade oferece a todos com que ela se envolvem.

Para debater o importante tema da inclusão e a importância do convívio com a diversidade, a Congregação Israelita Paulista (CIP) realiza, no dia 28 de outubro, segunda-feira, às 19h15, no Teatro Eva Herz da Livraria Cultura do Conjunto Nacional, o evento Dilemas Éticos, com a participação do casal Henri e Marina Zylberstajn.

“Dividir o mundo entre normais e anormais é desperdiçar a oportunidade sagrada que existe na diversidade. Deus criou os seres humanos diferentes para nos ensinar a ética do convívio”, destacou o Rabino Michel Schlesinger, rabino da Congregação Israelita Paulista e representante da Confederação Israelita do Brasil para o diálogo inter-religioso, que debaterá juntamente com o casal.

Apoio: Lei Federal de Incentivo à Cultura. Patrocínio: Itaú-Unibanco, CSN, Bemol, GR Segurança, Focus Energia e Rosset.