Católicos e Judeus abordam a pandemia, o isolamento e reforçam a importância do diálogo inter-religioso em evento online

6
Rabinos Michel Schlesinger e Uri Lam e o padre Fernando Gross

A Comissão Nacional do Diálogo Católico Judaico (DCJ) criada pela CNBB para articular o diálogo religioso entre católicos e judeus do Brasil realizou no Domingo, 20 de junho, mais uma edição do “Encontros Biblicos”.

O evento online que teve como tema Espiritualidade &Cansaço do Isolamento: a travessia de um deserto?. foi coordenado pelo rabino da CIP Michel Schlesinger, representante da Conib para o diálogo inter-religioso e pelo do Cônego José Bizon, , diretor da Casa de Reconciliação, referência para o ecumenismo e diálogo inter-religioso na arquidiocese de São Paulo.

A programação contou com a participação do presidente da Conib, Claudio Lottenberg, do Cardeal Dom Odilo Scherer, dos padres Edinilson Turozi de Oliveira e Fernando Gross e dos rabinos Zeh (José) Amarante e Uri Lam.

Em suas falas, destacaram como fomos apanhados de surpresa pela pandemia e passamos a perceber e a valorizar a importância de preservarmos nossas vidas e a saúde do próximo, bem como as lições trazidas pelo isolamento e pela pandemia. Os líderes também prestaram solidariedade pelas vítimas e famílias dos 500 mil mortos pela Covid 19 e ressaltaram o descaso das autoridades brasileiras.

“Grande parte deste processo do diálogo inter-religioso nasceu por iniciativa do avô do rabino Michel, que segue fazendo esse trabalho de maneira impecável. A proposta de trabalharmos sinergias e pontos de concordância é o que realmente vale, pois temos muito mais semelhanças do que diferenças”, destacou o presidente da Conib, Claudio Lottenberg..

Para o rabino Michel Schlesinger, “ o trabalho com o diálogo inter-religioso tem por objetivo garantir que o outro não seja uma ameaça mas que seja visto como um ser humano, com ideias, práticas e convicções distintas. Que tenhamos a ousadia para continuarmos aprendendo uns com os outros”.

“Vivemos em um tempo de angústia, dificuldades e muito desanimo, o que torna ainda mais importante refletirmos sobre a palavra de Deus”, concluiu Dom Odilo Scherer.

O evento, que teve tradução em libras e foi transmitido ao vivo, pelos canais digitais das instituições participantes, contou ainda com a leitura de um Salmo e foi encerrado com uma coreografia preparada especialmente para esta ocasião pelo grupo de danças Yesh da CIP.

A realização foi da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil e da Confederação Israelita do Brasil (Conib) com a co- realização e apoio da Arquidiocese de São Paulo, Associação Brasileira A Hebraica de São Paulo, Casa da Reconciliação, Congregação Beth El, Congregação Israelita Paulista, CNBB Sul1, Esh Tamid, Halelu e Paróquia São Pedro.

Apresentação de dança do Grupo Yesh