Comunidade judaica paulista supera expectativas e arrecada 25 milhões para a Campanha Fundo de Bolsas 2021

28
Comemoração no QG da Fisesp ao término da Campanha

Nem a pandemia tirou o brilho da Campanha Charidy Fundo de Bolsas 2021. Mais uma vez a comunidade judaica deu um grande exemplo de solidariedade e fez valer o tema da Campanha, “Onde Há Educação Há Tikvá”. Em apenas 48 horas, foram arrecadados R$ 25 milhões, superando as expectativas e criando um novo capítulo na história da educação judaica de São Paulo.

A Campanha Charidy Fundo de Bolsas, que desde 2016, tem apoio total e irrestrito da Federação Israelita do Estado de São Paulo tem como proposta de atender ao maior número de alunos para que ninguém fique fora do ambiente escolar judaico. Com o valor arrecadado 695 crianças poderão ser atendidas em 2022.

Buscando ativar a comunidade e estabelecer engajamento e conexão com a Campanha, a Semana Fundo de Bolsas aconteceu de 23 a 30 de agosto com uma extensa programação virtual com debates, música, teatro, lives e atividades culturais, com a participação das escolas, organizações parceiras e da comunidade.

Uma live com os presidentes, diretores e representantes das Universidades sobre o “Papel da Escola Judaica na Formação dos Jovens” marcou a abertura da Campanha. A programação contou ainda com uma cerimônia de Havdalá, conduzida pelo rabino Saul Paves e a live “Todos pela Educação, conduzida por Stella Segal e Márcio Luftglas (Cereja), que reuniu convidados de peso como a ex-secretária de Educação, Claudia Costin.

Um dos pontos altos da agenda foi a Live Show Fundo de Bolsas, apresentada por Jairo Roizen e Lais Louver. Com duração de três horas e uma super produção contou com muita animação, músicas, entrevistas, depoimentos, entradas ao vivo nos QGs e as participações especiais ao vivo do mágico Ben Ludmer, da cantora Lucila Novaes e do Grupo Musical Zamarim, que e

stiveram ao lado dos presidentes da Conib, Claudio Lottenberg e da Fisesp, Luiz Kignel.

“Hoje estamos fazendo história, e não apenas lendo história, e essa é a diferença da comunidade judaica. Nossos pais e avós chegaram ao Brasil sem nada, e a primeira coisa que faziam depois de se estabelecerem era montar uma Escola Judaica. Tivemos jovens e crianças doando e esse é um legado imaterial. O trabalho de nossos voluntários é intangível e isso fez toda a diferença. Vamos colocar quase 700 alunos em escolas judaicas e esse é um legado de exemplo, pois uma comunidade é feita de exemplos. Vocês hoje foram heróis, parabenizo todos os envolvidos”, declarou o presidente da Fisesp, Luiz Kignel, durante o encerramento da Campanha Fundo de Bolsas.

“Este foi um ano muito difícil com enormes desafios para todos, porém arrecadamos R$25 milhões, algo que parecia impossível. Mais uma vez a comunidade mostrou sua força deixando claro como o valor da educação é forte em nossa comunidade. Parabenizo toda a equipe do Fundo de Bolsas, o Comitê Gestor, o Conselho Estratégico, os profissionais, os voluntários, o envolvimento de nossos jovens e todos os doadores”, concluiu Monica Cohen, gestora do Programa Fundo de Bolsas.

Apesar da Campanha ter duração limitada, é possível doar para o Fundo de Bolsas a qualquer momento. Saiba mais em www.fundodebolsas.com.br

Luiz Kignel, Claudio Lottenberg, Jairo Roizen e Lais Louver durante a Live Show Fundo de Bolsas
Luiz Kignel e Claudio Lottenberg durante a Live Show
Apresentação do mágico Ben Ludmer
Apresentação da cantora Lucila Novaes